Potencial de geração de emprego e renda é destaque em visita de Caiado à região da 44

Candidato à reeleição falou das linhas de crédito para fomento de micro e pequenos empresas e recebeu elogios por apoio ao segmento. Empresários destacam potencial de crescimento do setor de confecções e moda em Goiás




Foto: Renan Santos.

Em visita a lojistas da Rua 44, na manhã desta quinta-feira (29/9), o governador e candidato à reeleição Ronaldo Caiado (União Brasil), comprometeu-se em ampliar o apoio do governo de Goiás a um dos maiores polos de confecções e moda do País, com objetivo de resgatar a capacidade de renda da população de Goiás e transformar o local em referência até no exterior.

"Goiânia já é conhecida como a 'capital da música' sertaneja e vai ser conhecida como 'capital da moda'. Que Goiás mostre para o mundo todo e seja referência da boa confecção do País", afirmou Caiado em visita às lojas. "Essa receptividade é uma referência a quem se propõe governar dando apoio ao setor produtivo, resgatando a capacidade de renda das pessoas", comentou o governador sobre a interação com comerciantes e clientes.

Caiado falou sobre as linhas de crédito do governo estadual, com limites de até R$ 15 mil e juros facilitados, além da reserva de R$ 400 milhões do Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO) para financiamento de micro e pequenos empresários em todo o Estado. O governador lembrou que a cadeia desenvolvida na 44 hoje serve de modelo para outros municípios.

"É algo que estou copiando para gerar empregos no interior. Implantamos dez máquinas Audaces em diversos municípios para que eles possam também fabricar seus produtos com qualidade e custo menor, e assim consigam competir entre os grandes". Caiado também reforçou que há uma parceria entre governo, a Prefeitura de Goiânia e empresários para revitalizar e valorizar o local. "Vamos transformá-la numa região muito bonita e bem tratada. Vai ser uma referência de investimento".

"Acredito que Caiado tem todas as condições de fazer o melhor governo que o Goiás já viu. E a bandeira da moda é uma grande oportunidade, dada a importância do setor na geração de empregos", observou Carlos Luciano Ribeiro, presidente do Grupo Novo Mundo e CEO do Mega Moda.

"Ao chegarem aqui em Goiânia, pessoas de todo País vão andar numa região segura e com moda de qualidade", ressaltou o presidente da Associação Empresarial da Rua 44 (AER44), Lauro Naves. "Nós confiamos em seu trabalho. Vamos transformar essa região no maior polo do Brasil", completou Naves, ao destacar o projeto Cinturão da Moda, que já soma mais de 20 mil peças produzidas e cerca de 200 pessoas empregadas no interior do Estado.

Lançado em fevereiro deste ano, o programa tem como objetivo movimentar a economia goiana a partir da geração de novos postos de trabalho em 30 municípios do Estado na indústria da moda, fazendo uma conexão com o polo da Região da 44 para suprir a demanda por mão de obra.

Desenvolvimento
O candidato a vice-governador Daniel Vilela (MDB) reconheceu que os agentes envolvidos na cadeia produtiva da 44 são referência no Estado. "Aqui é um polo de empregos qualificados, com excepcionais condições de renda", afirmou. "No ponto de vista da empregabilidade, o segmento tem condições de ser maior do que a construção civil. Cabe a nós, agentes públicos, primeiramente, não atrapalhar e dar oportunidade para que empresários e empreendedores possam gerar emprego e renda", acrescentou.

"O segundo ponto é compreender a importância de potencializar um segmento tão importante", arrematou Daniel Vilela. "Quanto mais pudermos valorizar a região, criando equipamentos e ambientes adequados, vamos fomentar a produção, com comerciantes e lojistas cada vez mais fortes", salientou o candidato ao Senado Alexandre Baldy (PP), que também prestigiou o evento.

Apoios
Nájila Teixeira Souza, comerciante da 44 desde 2004, falou das melhorias na segurança pública na atual gestão. "A gente anda na rua e se sente segura. Na região Noroeste, onde a gente mora, toda hora tem polícia na rua. Você precisou, chega de verdade", relatou, finalizando: "por isso é que voto no Caiado". Leonardo Mendes Silva, 23 anos, foi na mesma linha. "Ele é um bom governador. Com mais quatro anos, vai fazer muito mais".

Também participaram os secretários Joel Sant'Anna Braga (Indústria, Comércio e Serviços) e César Moura (Retomada); os empresários Beto, do Shopping Gallo, Marcelo (Pit Bull) e Cristiano Câmara; as candidatas à Câmara Federal Lu Montenegro (Avante), Larissa Ferreira (PP) e Silvye Alves (UB); e à Assembleia Legislativa Thelma Cruz (Republicanos), Sargento Rosy (UB), Lívio Luciano (PSC), Waleska (UB), Lineu Olímpio (MDB) e Chico Zica (UB).

Postar um comentário

ABRASSP - Associação Brasileira de Síndicos e Condomínios

Postagem Anterior Próxima Postagem
BRB


Bio Caldo - Quit Alimentos